Atividades para pessoas com Alzheimer e outras deficiências cognitivas

A PICKARE deixa a partilha de algumas actividades para pessoas com Alzheimer e outras deficiências cognitivas, sugeridas pela Terapeuta Ocupacional Ana Leite, Editora-chefe do Reab.me.

 

Confeccione:

Atividade de ligar os pontos.

– Atividade de categorização com fitas de cetim.

Categorizando botões coloridos.

Palitos de picolé coloridos em um jogo de atenção e sequência.

Formas de usar os objetos da casa em uma cesta como atividade.

Formas de uso do xadrez como recurso terapêutico.

Atividades com encartes de supermercado (este post leva a outros com a mesma temática e diferentes ideias e formas de aplicação).

– Atividade de atenção com números.

Pareamento de frases e letras iniciais de cada palavra da frase.

Pareamento de silhuetas e as chaves correspondentes.

Bingo com cálculo.

Atividade de colagem com lacres da lata de refrigerante.

Topearia: atividade com colagem de sementes.

Atividade com imagens da cozinha.

Arte e terapia: vaso de flores.

Usando letras e objetos do cotidiano para formar palavras.

Quebra-cabeça de fotografia.

Como usar cantigas de rodas, cinema e temas da infância na terapia.

Imprima materiais:

Folhas com letras para trabalhar atenção. Folha com fontes diferenciadas se transformam em recurso.

Imagens representando expressões idiomáticas. Uma série de fotografias que podem ser impressas para trabalhar por meio de imagens expressões do cotidiano.

Jogo de pareamento de folhas de árvores. Folhas parecidas com colorações muito reais para fazer os pares.

– Dominó em preto e branco de formas e silhuetas.

Cartões de 0 a 100 com símbolos matemáticos.

Rostos em branco para imprimir.

Letras com pontuações e dicas de uso do material.

Mandalas e outros desenhos para adultos.

Material para trabalhar reconhecimento de emoções.

É sempre oportuno e necessário lembrar que quando usamos atividades e exercícios cognitivos como recurso terapêutico para melhoria ou manutenção das habilidades cognitivas, deve ser feita uma avaliação prévia do cliente e as atividades e exercícios devem fazer parte de um plano terapêutico. Se você não é profissional, mas quer usar essas dicas para pessoas saudáveis,  não existe nenhuma contra-indicação para estimulação, mas se o objetivo é usar esse tipo de recurso com frequência, recomendamos que um profissional capacitado avalie a pessoa e escolha com você os exercícios mais adequados, a depender das habilidades que se queira estimular. Certo?

Pode te interessar: Cadernos de Exercícios para Estimulação Cognitiva Reab.me

cadernos

Bom Trabalho!

 

Fonte: reab.me

Entre em Contato

Horário de Atendimento Telefónico

De Segunda a Sexta-Feira

17:00h às 21:00h

Telefone: +351 91 621 31 73

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

mais ...

 

Testemunhos